Ir para conteúdo principal Ir para menu principal Ir para menu do rodapé Ir para menu Categoria Ir para menu Arquivo
Logon

Viver Seguro no Trânsito

Nós estamos fazendo nossa parte. E você?
Início do conteúdo
  • Conheça as instituições que lutam por um trânsito humano e seguro

    Fernando Diniz Fernando Diniz, fundador da ONG Trânsito Amigo

    A mudança que queremos ver acontecer no trânsito depende de todos! Sem as atitudes corretas de condutores, pedestres, autoridades e tantos outros atores que têm papel importante nesse contexto, será difícil imaginar ruas, estradas e vias como locais mais seguros. Mas quando o desejo de transformar o atual cenário, que registra mais de um milhão de mortes por ano, segundo a Organização Mundial da Saúde, vira uma luta diária?

    Essa mobilização existe. São organizações não governamentais (ONGs), fundações, associações e movimentos que batalham para conscientizar, salvar vidas e, mesmo com diferentes atuações e projetos, são unânimes quando o assunto é construir o mais rápido possível um trânsito sem violência. “O Brasil precisa decidir urgentemente com qual qualidade de trânsito quer conviver. Ou decide pela forma que está em voga, que mata de maneira impiedosa, ou escolhe viver em paz”, opina o fundador da ONG Trânsito Amigo, Fernando Diniz.

    Quer se engajar nessa causa? Conheça algumas entidades que fazem a diferença todos os dias:

    - Trânsito Amigo: com palestras em instituições de ensino, participações em seminários e debates, iniciativas que propõem mudanças e luta constante por maior rigor na legislação, a organização surgiu da vontade de Fernando Diniz em fazer da dor da perda do filho Fabrício, vítima do trânsito, uma luta para impedir novas mortes. “Somos frágeis, não somos super-heróis e imortais. Acidentes são tragédias que podem ser evitadas. Todos precisam fazer sua parte no trânsito porque amanhã você pode ser a vítima. Isso envolve muita dificuldade e batalha”, afirma Diniz.

    - Não Foi Acidente : esse movimento trabalha para tornar as leis brasileiras mais rígidas e punitivas, buscando também mais educação sobre o trânsito, inclusive por meio de campanhas para mudar a atual e triste realidade

    Instituto Paz no Trânsito (IPTran)a entidade promove campanhas, ações e projetos de conscientização junto a diversos públicos, incluindo infratores que são encaminhados pela justiça para prestação de serviços comunitários. Além disso, o IPTran fornece ajuda psicológica para vítimas com sequelas e familiares de pessoas que perderam a vida em acidentes de trânsito, além de coletar dados para entender como implantar políticas públicas e outras melhorias.

    Fundação Thiago Gonzaga/Vida Urgente: a instituição busca, por meio de programas, iniciativas e ações, valorizar e proteger a vida, mostrando a responsabilidade que jovens e adultos têm à frente do volante. A mobilização da Vida Urgente visa a mudança de comportamento e cultura para humanizar ruas e avenidas do Brasil.

    ONG Criança Segura: voltada para crianças, a entidade concentra esforços em três frentes de atuação: com a comunicação para dar visibilidade a campanhas, principalmente na mídia, e fornecendo conteúdos e dicas para os pais por meio de redes sociais e do site; com políticas públicas para colocar os assuntos relacionados ao tema na agenda das autoridades; e com mobilização, que tem foco em formar e empoderar pessoas para serem multiplicadores de conhecimento sobre prevenção de acidentes de trânsito. Tudo isso para proteger os pequenos, considerados mais frágeis e imaturos para lidar com o tráfego.

    O trânsito mais seguro e pacífico depende da participação de todos nós. Vamos abraçar a causa e valorizar vida!