Ir para conteúdo principal Ir para menu principal Ir para menu do rodapé Ir para menu Categoria Ir para menu Arquivo
Logon

Viver Seguro no Trânsito

Nós estamos fazendo nossa parte. E você?
Início do conteúdo
  • Na hora de receber o Seguro DPVAT, não seja vítima duas vezes

    OFAQ570-min-768x512.jpg

    Muitas pessoas entram em contato comigo para tirar dúvidas sobre o Seguro DPVAT e, nessas oportunidades, aproveitam para contar como foram lesadas por oportunistas. Os relatos são diversos, mas a maioria dessas pessoas alega que receberam informações que, para receber a indenização, é preciso contratar alguém.

    Essa realidade se torna ainda mais grave quando percebemos sua frequência. Infelizmente, existem pessoas que se aproveitam da boa fé dos acidentados e de seus familiares para oferecer essa “ajuda” e, muitas vezes, ficam com toda a indenização.

    Outro tipo de golpe bastante comum é dado por advogados, que propõem imediatamente pedir a indenização pela Justiça, sem sequer passar pela via administrativa.

    Para receber a indenização, o melhor é dar entrada diretamente com a Seguradora Líder, responsável pela administração do Seguro DPVAT. Para que você entenda melhor, a Seguradora Líder é um consórcio de seguradoras responsável pelo pagamento das indenizações do Seguro e é fiscalizada pelo Governo através da SUSEP. Em média, a Seguradora paga mais de 500 mil indenizações por ano por morte, invalidez permanente ou atendimento hospitalar, sem a necessidade de processos judiciais ou intermediários. Isto só ocorre porque receber a indenização sem ajuda de ninguém é um processo extremamente simples, ao contrário do que algumas vítimas de acidentes de trânsito pensam.

    Para tirar suas dúvidas sobre o Seguro DPVAT, é bem simples: basta entrar no site da Seguradora Líder ou nas redes sociais da empresa, que você também pode conferir pelo site. Depois, basta reunir os documentos e buscar os pontos de atendimento credenciados para dar entrada na sua indenização.

    O importante de todo esse processo é lembrar que, para receber a sua indenização, não é necessário intermediário, muito menos processo judicial. É possível fazer tudo sozinho e, com isso, evitar as armadilhas dos oportunistas. Com certeza, você prefere evitar que o acidente de trânsito aconteça, mas caso essa situação ocorra, não seja vítima duas vezes: do acidente e dos oportunistas.

    Gostou do artigo? Clique aqui para conhecer o site do SOS Estradas, um programa que visa reduzir os acidentes e aumentar a segurança nas rodovias.