Ir para conteúdo principal Ir para menu principal Ir para menu do rodapé Ir para menu Categoria Ir para menu Arquivo
Logon

Viver Seguro no Trânsito

Nós estamos fazendo nossa parte. E você?
Início do conteúdo
  • A última conversa ao celular antes de morrer ou matar

    cuidados-celular.jpg

    Hoje em dia, sabemos que dirigir falando ao celular equivale a conduzir alcoolizado. Infelizmente, muitos condutores têm esse hábito, incluindo os motociclistas. Há quem, além de falar ao telefone, seja imprudente ao ponto de digitar, tirar fotos e filmar.

    Somente em Brasília, 180 motoristas são flagrados dirigindo falando ao celular todos os dias. E esses são apenas os que são multados na capital federal. Com esse dado, podemos estimar que milhares de motoristas dirigem todos os dias nesta condição no país. Considerando o risco que essa prática representa, com certeza, temos mais pessoas cometendo esse tipo de infração à luz do dia do que dirigindo sob efeito de álcool.

    Faltam dados estatísticos sobre acidentes causados por motoristas que conduzem falando ao celular, digitando mensagens, fotografando ou filmando. Vídeos postados pelos próprios infratores mostram a dimensão do problema. Um exemplo foi o caso que ocorreu no final do ano passado, na BR-153, estado do Tocantins, quando três pessoas viajavam de Goiânia (GO) para Barrolândia (TO) e filmavam a viagem. É possível ver no vídeo como o motorista tira os olhos da pista para focar no celular de quem filmava. O resultado? Uma colisão frontal com uma carreta e morte imediata de todos os ocupantes do automóvel. O motorista do caminhão não sofreu ferimentos, mas com certeza ficou com o trauma deste acidente para o resto da vida.

    Nem mesmo os motoristas profissionais resistem à tentação de misturar celular com direção. Vários deles, inclusive, fazem filmagens enquanto dirigem transportando dezenas de toneladas. Se é difícil realizar essa fiscalização na área urbana, é muito mais complicado nas estradas.

    Seja motorista de veículos leves ou motorista profissional, todos têm a obrigação de não utilizar o celular enquanto dirigem. Afinal, esse é um comportamento de risco que tem o grande potencial de colaborar para o aumento das estatísticas de acidentes de trânsito.