Ir para conteúdo principal Ir para menu principal Ir para menu do rodapé Ir para menu Categoria Ir para menu Arquivo
Logon

Viver Seguro no Trânsito

Nós estamos fazendo nossa parte. E você?
Início do conteúdo

Ranking do bem: confira as capitais que registraram o menor número de acidentes nos últimos dois anos

ranking-do-bem-2016-2017.pngO elevado número de indenizações do Seguro DPVAT pagas mês após mês preocupa, mas algumas regiões já têm adotado medidas para a redução dos índices de acidentes de trânsito. Levantamento realizado pela Seguradora Líder listou as cidades de Vitória (ES), Macapá (AP), São Luís (MA), Rio Branco (AC) e Maceió (AL) como as que registraram o menor número de ocorrências nos últimos dois anos: foram apenas 5.614 casos frente aos mais de 560 mil registrados em 2016 e 2017. Mas como essas cidades conseguiram atingir esses resultados? É isso que vamos contar para você aqui embaixo! Se liga aí no ranking do bem! \o/

1º lugar: Vitória, capital do Espírito Santo

Como contamos em um post especial da série #BonsExemplos, aqui mesmo no Blog Viver Seguro no Trânsito, a posição conquistada pela cidade – que registrou apenas 765 casos nos últimos dois anos – é resultado direto do investimento da Prefeitura em medidas para reforçar a segurança nas ruas. Entre elas, o Programa Vida no Trânsito, que na cidade é usado para analisar os acidentes buscando identificar as causas, que podem ser infraestrutura, educação e fiscalização. Após a avaliação, um grupo de trabalho propõe soluções para que não voltem a ocorrer acidentes semelhantes. É muito amor envolvido para evitar acidentes, não é? Parabéns, Vitória! 💓

2º lugar: Macapá, capital do Amapá

Por lá, a Companhia de Trânsito e Transporte de Macapá (CTMac) revitalizou e instalou novas faixas de pedestres e diversas placas de sinalização, além de ter elaborado um plano estratégico de fiscalização. Pensando nos condutores do futuro, a instituição ainda promoveu ações educativas nas escolas municipais da região. O resultado disso? Apenas 949 ocorrências nos últimos dois anos. É para celebrar bastante! 🎉

3º lugar: São Luís, capital do Maranhão

A terceira colocada, com 1.122 casos registrados nos últimos dois anos, contou com o apoio da Secretaria de Estado da Infraestrutura (Sinfra) para revitalização das vias. Além disso, também foram promovidas ações de conscientização e educação no trânsito. Pode falar: um exemplo a ser seguido, não é mesmo? <3

4º lugar: Rio Branco, capital do Acre

As apenas 1.254 ocorrências no período são efeito das iniciativas adotadas pela Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito - RBTRANS, como campanhas de conscientização e educação e blitz educativas. Em 2018, a instituição ainda vem promovendo ações com foco nos motociclistas. \o/

5º lugar: Maceió, capital de Alagoas

E para encerrar o ranking do bem com chave de ouro, temos a capital alagoana Maceió, que registrou 1.524 casos no período. O município segue trabalhando frequentemente em campanhas educativas, políticas públicas de segurança viária e fiscalização. Valeu, Maceió!

Todos os exemplos aqui em cima nos ajudam a ver que a construção de um trânsito é possível através de uma série de ações integradas, não é mesmo? E aí, que tal pensar um pouquinho no que pode ser aplicado aí na sua cidade? Para ficar mais fácil, é só lembrar que nós mesmos somos a mudança no trânsito, viu? Compartilhe com a gente nos comentários o que você achou desse post. Esperamos por você! 💓


Continuar lendo

Pequeno Grande Motorista: saiba tudo sobre a nova promoção do Seguro DPVAT

Estamos sempre pensando no que fazer para ajudar a tornar o trânsito um lugar mais seguro para todos e, acreditamos, que essa conscientização deve começar desde cedo. Por isso, no último dia 29 de novembro, a Seguradora Líder lançou a promoção "Pequeno Grande Motorista" e hoje vamos te deixar por dentro dessa super iniciativa. Vamos lá? 😍

Como participar?

O foco é nos pequenos, galera! Dessa forma, apenas crianças entre 6 e 14 anos poderão se inscrever para participar da promoção. Para isso, basta gravar um vídeo com tema boas práticas no trânsito, até o dia 12 de dezembro, publicá-lo em sua conta no YouTube em modo público e depois, pedir para seus pais ou responsáveis realizarem o cadastro no site da promoção clicando aqui.

Processo de votação

A votação popular acontece entre os dias 13 de dezembro e dia 11 de janeiro de 2019 e será realizada pelo site http://www.pequenograndemotorista.com.br/. Para votar é super simples: na "Galeria de Vídeos", escolha o seu vídeo favorito e clique em "Dar um like". Só será possível votar uma única vez e em apenas um vídeo. Se houver empate, o critério de desempate será a ordem de inscrição, ou seja, vencerá o participante que efetuou primeiro a inscrição no site do concurso, independentemente da data da postagem do vídeo no YouTube. Vale ficar atento, viu? 😉

Lembrando que, para verificação de cumprimento das regras, cada vídeo passará por avaliação técnica de acordo com o estabelecido em regulamento e apenas os vídeos aprovados serão publicados na galeria de vídeos.

E atenção, galera, a informação que vocês estavam esperando: o vencedor será o vídeo que obtiver mais votos na votação popular e será divulgado no dia 21/01/19, também no site da promoção. Anota aí no calendário! \o/

Premiação

Uma pesquisa realizada em 2017 no Reino Unido, pela empresa First Choice, com 1.000 crianças e adolescentes entre 6 e 17 anos, revelou que 75% dos entrevistados sonhavam em seguir a carreira de youtuber. Por isso, o vencedor escolherá passar um dia com o Isaac do Vine ou a Juliana Baltar, no Rio de Janeiro, e aprender um pouco sobre a rotina e como se tornar um youtuber mirim. Bem legal, não é?

Com a promoção "Pequeno Grande Motorista", a Seguradora Líder cumpre um dos seus desafios, que é atuar proativamente na conscientização para um trânsito mais seguro para todos. E aí, gostou de ficar por dentro de mais uma super iniciativa? Então, não se esqueça de convidar os pequenos para participar! Acesse agora mesmo o www.pequenograndemotorista.com.br.


Continuar lendo

Canal de Denúncias: saiba como fazer a sua parte para combater as fraudes ao Seguro DPVAT

Um dos principais compromissos da Seguradora Líder é garantir que as indenizações do Seguro DPVAT cheguem aos seus beneficiários de direito e sabe como fazemos isso? Através de um intenso trabalho de combate às fraudes! E sabia que você pode ajudar a gente nessa? Sim! \o/ Por isso, hoje vamos te deixar por dentro do Canal de Denúncias. Confira! ;)

Por dentro do Canal de Denúncias

O Canal de Denúncias é uma área do site da Seguradora Líder onde você pode comunicar possíveis violações de Ética e Conduta, tais como fraude no pedido de indenização do Seguro DPVAT e fraude no pagamento anual do Seguro DPVAT/Licenciamento. Suas comunicações serão recebidas e tratadas, de forma sigilosa e imparcial, assegurando a sua proteção e a de quem você está denunciando. Pode confiar! 😉

Dicas para uma denúncia efetiva

Ao fazer a denúncia, sempre que possível, encaminhe-a acompanhada por referências, provas ou indicações seguras, o que viabilizará a apuração. Ah, não precisa ficar com medo: seus dados irão para um ambiente seguro e o ato de denunciar não trará qualquer consequência ou punição para você, ok? Fica a dica! 😍

Como você deseja realizar sua denúncia?

Além do próprio Canal de Denúncias, disponível neste link, existem duas outras maneiras para realizar a sua denúncia. Pelo telefone 0800 022 12 05, de segunda a sexta-feira, de 9h às 18h, gratuitamente ou por carta, que deverá ser encaminhada para o seguinte endereço: Rua da Assembleia, 100 – 22º andar – Centro – Rio de Janeiro – CEP 20031-902 (A/C: Canal de Denúncias). Pode falar: a gente têm muitos meios de garantir que o Seguro DPVAT continue chegando a quem precisa dele, não é mesmo? 💓

Números cada vez mais expressivos

Desde 2011, início da operação do Canal de Denúncias no site da Seguradora Líder, já foram recebidas 3.126 denúncias. Bastante coisa, não é? Somente no ano passado, foram 453 e, de janeiro a julho desse ano, 243 denúncias, o equivalente a 53% do recebido em 2017. 😮

Através do Canal de Denúncias, a Seguradora Líder continua garantindo uma das suas principais atribuições: criar instrumentos para proteção do Seguro DPVAT contra fraudes, procurando garantir que esse importante benefício continue chegando a quem de fato precisa. Por isso, a gente conta com a sua colaboração! Denuncie casos suspeitos. Contamos com você para um combate às fraudes cada vez mais efetivo! 😉



Continuar lendo

Por dentro do universo das bicicletas

universo-das-bicicletas.png

Magrela, bike, bici... não importa o seu apelido, a bicicleta está no coração de todos os brasileiros, não é mesmo? 💓 E, hoje, separamos um post todinho para falar sobre o mundo das bikes! Está imperdível. Confere só! 😉

Sua saúde sai ganhando!

Sabia que usar a bicicleta para fazer trajetos como ir ao trabalho reduz, em cerca de 60%, a chance de morte prematura em decorrência de doenças como câncer, diabetes e até mesmo, AVC? 😮 É isso mesmo! Além disso, estudos afirmam que andar de bike melhora a resistência muscular, reduz o colesterol, além de controlar a glicemia no sangue e regular a pressão arterial. Depois dessa, dá vontade de começar a andar de bicicleta agora mesmo, não é? 😍

Boa para o meio ambiente, boa para o bolso

A gente nem precisa dizer que pedalar, além de gerar os benefícios que contamos aqui em cima, também é muito mais barato, não é? Enquanto o custo da locomoção de carro a gasolina é de R$ 0,73 por quilômetro, de bike, o ciclista investe cerca de R$ 0,12 na mesma distância. Isso sem contar com o fato das peças e eventuais reparos de uma bicicleta terem um custo muito baixo, principalmente se comparados com os de um automóvel. O investimento para adquirir o veículo também é menor. Viu só quantas vantagens? 😉

Importância da bike pelo mundo: o exemplo de Amsterdã

Sabe porque a capital da Holanda, Amsterdã, é considerada a cidade das bicicletas? Porque, por lá, há 880 mil bicicletas, um número quatro vezes maior que o número de carros e do que o total de habitantes, galera. Na cidade, cerca de 32% de todas as viagens são feitas de bicicleta, enquanto apenas 22% são feitas de carro.

A cidade também conta com mais de 760 km de ciclovias atravessando a cidade e, só perto da estação central de trem, há estacionamento para 10 mil bikes. Depois desses dados, a gente nem precisa falar sobre a imensa importância das bicicletas por lá, não é mesmo? 🙂

E aqui no Brasil?

A gente falou de Amsterdã, mas qual a realidade no Brasil? Bem, de acordo com a Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares (Abraciclo), atualmente, nosso país possui 70 milhões de bicicletas e a busca por bikes para pedalar nas cidades aumentou consideravelmente, especialmente nas grandes capitais, como Rio de Janeiro e São Paulo, alavancadas pelo chamado sistema de aluguel de bicicleta.

Resultado da parceria entre as prefeituras e bancos, o sistema de aluguel já vem atraindo um grande número de adeptos. No Rio de Janeiro, por exemplo, a iniciativa aumentou o número de postos e bicicletas para atender a demanda. ☺

Outro exemplo bem legal aconteceu na capital paranense, Curitiba, que foi a primeira cidade brasileira a instituir a chamada "Lei das Bicicletas", que destina 5% das vias urbanas para a construção de ciclofaixas e ciclovias. Todas essas ciclovias deverão ser interconectadas ao centro da cidade e integradas ao transporte coletivo.

Ufa! É muita informação bacana sobre as bicicletas, não é mesmo? E aí, o que a bike representa para você? Conta para a gente aqui embaixo nos comentários! Estamos esperando por você! 👇


Continuar lendo

Portal da Integridade da Seguradora Líder completa um ano

Tem aniversário rolando por aqui? Tem sim! 🎉🎈 O Portal da Integridade da Seguradora Líder completou um ano, dando acesso irrestrito a informações e dados sobre o Seguro DPVAT a toda sociedade, em linguagem clara e objetiva. E, para te deixar por dentro de todos os detalhes do que você encontra por lá, é só continuar conferindo o post de hoje. Vamos nessa? 😉

Compromisso com a transparência

A gente não poderia começar a falar do Portal da Integridade sem falar da importância que ele tem para a Seguradora Líder. Afinal, é através dele que conseguimos ressaltar o nosso compromisso com uma gestão cada vez mais transparente dos recursos do Seguro DPVAT, aprimorando o acesso dos 208 milhões de brasileiros a esse importante instrumento de proteção social. É muito amor envolvido! 💓

O que eu encontro no Portal da Integridade?

Opa! Essa é uma pergunta que a gente escuta bastante aqui no blog e nas redes sociais. 🤔 É possível encontrar documentos como o Código de Ética e de Conduta da Companhia, os relatórios de Demonstrações Financeiras dos anos anteriores, todas as edições do Boletim Estatístico da Seguradora Líder, as Parcerias Institucionais, as regras e os documentos necessários para a contratação de fornecedores, além de outros dados institucionais e financeiros. Bem legal, não é? 😍

Quais as novidades do último ano?

No último ano, o Portal da Integridade foi o espaço para a divulgação de importantes documentos como o "Seguro DPVAT – Agenda 2019", com as principais propostas de aprimoramento da gestão do seguro; a cartilha "Seguro DPVAT: Legislação e Jurisprudência", destacando as principais regras vigentes para o pagamento da indenização do benefício; o Relatório de Sustentabilidade 2016-2017; além das Demonstrações Financeiras do 1º semestre de 2018.😉

Resultados através de números

Desde sua criação, o Portal da Integridade da Seguradora Líder contabiliza mais de 26 mil visualizações de usuários de todo o Brasil, com destaque para Rio de Janeiro; São Paulo; Brasília; Curitiba; Belo Horizonte, as cinco capitais com maior número de acessos. E você, já deu uma olhadinha por lá? 👀

Através do Portal da Integridade, a Seguradora Líder reforça o compromisso com uma gestão cada vez mais efetiva e transparente do Seguro DPVAT, se aproximando dos mais de 208 milhões de brasileiros. Clique aqui para acessar o Portal da Integridade na íntegra. 👍


Continuar lendo

#BonsExemplos: Vitória foi a capital do Brasil com a maior redução no número de acidentes em 2017


Por aqui, a gente ama compartilhar exemplos de quem está mandando bem no trânsito! E, para inaugurar a série #BonsExemplos aqui do Blog Viver Seguro no Trânsito, vamos falar de Vitória, capital do Espírito Santo. A cidade, escolhida para participar da pesquisa nacional do Programa Vida no Trânsito, coordenado pelo Ministério da Saúde em parceria com a Organização Pan-Americana de Saúde (Opas), apresentou a maior redução no número de acidentes de trânsito entre 2016 e 2017. Para saber mais detalhes sobre como a cidade chegou a esse resultado, preparamos um post especial. Confere só! 🙂

Por dentro do Programa Vida no Trânsito

A Prefeitura de Vitória investe, em parceria com a Organização Mundial da Saúde (OMS) e com a Organização Pan-Americana da Saúde (Opas), no Programa Vida no Trânsito. A iniciativa faz parte das ações do Programa Cidade Educadora, também desenvolvida pela prefeitura da capital e está inserida na Década de Ações para Segurança no Trânsito (2011-2020), da Organização das Nações Unidas (ONU), que tem como objetivo, até 2020, diminuir acidentes nos 10 países que concentram metade das mortes no trânsito registradas em todo o mundo.

Exemplo a ser seguido

E, como por aqui, gostamos bastante de dados, não poderíamos deixar de compartilhar alguns dos resultados concretos do Programa Vida no Trânsito, pessoal. De acordo com o Boletim Especial "Semana Nacional de Trânsito", divulgado recentemente pela Seguradora Líder, em 2017, Vitória ficou em último lugar no ranking de acidentes ocorridos e já indenizados pelo Seguro DPVAT nas capitais brasileiras. Ao longo de todo o ano passado, apenas 36 indenizações foram pagas por morte, 202 por invalidez permanente e 97 por reembolso de despesas médico-hospitalares. Índices que merecem, com toda a certeza, serem celebrados. 😍😉

Simplicidade que gera resultados tangíveis

A gente sabe que você deve estar se perguntando: como reduzir, efetivamente, o número de acidentes de trânsito em uma capital com mais de 358 mil habitantes? De acordo com o Programa Vida no Trânsito, a resposta é: analisando cuidadosamente cada acidente ocorrido. Na prática, isso significa que, uma equipe da Prefeitura toma providências de acordo com as causas concretas do acidente. Quer um exemplo? Se o acidente de trânsito foi motivado pelas condições da via, o problema de infraestrutura é resolvido pela Prefeitura. Já nos casos de ser motivado por algum fator relacionado ao condutor, a Prefeitura centra seus esforços em ações de conscientização, como a importância do uso do cinto de segurança. 👀

Ah, além disso, o município também elaborou um Plano de Ação Integrado para Redução de Acidentes, envolvendo diferentes setores da cidade para a identificação de fatores de risco de velocidade, identificação de fatores de álcool e direção e os grupos de riscos (pedestre e motociclista). Bem legal, não é? 😉

E aí, gostou de ficar por dentro dessa super iniciativa que está rolando lá em Vitória? O que ela pode trazer de lição para a cidade onde você vive? Deixe a sua opinião registrada aqui embaixo nos comentários e vamos, juntos, compartilhar ações para tornar o trânsito um lugar melhor para todo mundo! #Partiu? \o/



Continuar lendo

Saiba mais sobre as redes sociais oficiais do Seguro DPVAT

Como podemos levar informações sobre o Seguro DPVAT cada vez mais pertinho de você? A resposta é simples: investindo no digital! Hoje, você é nosso convidado mais do que especial para saber todos os detalhes sobre as nossas redes sociais! Confere só! 😉

Quais são as redes sociais do Seguro DPVAT?

Para atender às necessidades de um público formado por 208 milhões de brasileiros, estamos presentes em várias redes sociais, como o Facebook, o Instagram, o Twitter, o LinkedIn, e o YouTube. Nelas, além de falar sobre o universo do Seguro DPVAT, abordamos prevenção e educação no trânsito e o papel da Seguradora Líder na administração desse importante benefício social. A gente nem precisa dizer que é bem legal, não é? 😍

Então, se você ainda não curtiu, que tal ir lá deixar o seu like? Dá só uma olhadinha na lista:

Facebook: www.facebook.com/DPVAToficial/

Twitter: https://twitter.com/dpvatoficial

Instagram: www.instagram.com/dpvat_oficial/

LinkedIn:https://www.linkedin.com/company/seguradora-lider-dpvat/

YouTube: https://www.youtube.com/user/DPVAToficial

Slideshare: https://www.slideshare.net/seguradoralider-dpvat

Tenho medo de fornecer meus dados. Posso confiar?

A resposta é sim! É só chamar no inbox do Facebook, o bate-papo, de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h. Por lá, os seus dados não ficarão visíveis e você poderá informar detalhes sobre o seu pedido de indenização com tranquilidade. Além disso, todos os nossos perfis possuem selo de marca autenticada/verificada. Depois disso, já sabe, não é? Pode vir sem medo! 🙂

Mas, afinal, quem está por trás das redes sociais do Seguro DPVAT?

A Seguradora Líder possui um time de comunicação digital, responsável pela gestão desses canais, desde a elaboração dos conteúdos postados até a realização de um atendimento ativo em caso de reclamações. Por aqui, tratamos todas as dúvidas com muita atenção e agilidade, além de estamos sempre atentos a tudo o que rola nas redes envolvendo o Seguro DPVAT. 👀👍

Conteúdo inspirado nas principais dúvidas sobre o Seguro

É isso mesmo! Através da série #DPVATExplica, a sua dúvida pode se tornar um post aqui no Blog Viver Seguro no Trânsito, com explicações super detalhadas e curiosidades. Então, sabe aquilo que você sempre quis saber sobre o Seguro DPVAT? É só comentar aqui embaixo que ela pode ajudar outras pessoas a entenderem mais sobre esse importante benefício social.👇

Quais são os outros pontos de atendimento do Seguro DPVAT?

Além dos mais de 8 mil pontos de atendimento oficiais espalhados pelo Brasil, a Seguradora Líder conta com o Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC), a Central de Atendimento, o Autoatendimento Online do site da Companhia e a Ouvidoria. Você fica sabendo mais sobre como acionar esses canais na sessão "Contato" do site da Seguradora Líder, clicando aqui.

Através das redes sociais, queremos expandir o nosso relacionamento com quem realmente importa: você. E aí, conta para a gente: gostou de ficar sabendo de tantos detalhes sobre as redes sociais oficiais do Seguro DPVAT? Tem alguma dúvida? Estamos esperando por você aqui embaixo nos comentários. Afinal, estamos aqui para você saber mais! 😉



Continuar lendo

#DPVATExplica: como funciona a indenização por reembolso de despesas médico-hospitalares do Seguro DPVAT?

Alô, pessoal! Chegou a hora do #DPVATExplica aqui no Blog Viver Seguro no Trânsito, a série que te deixa por dentro das principais dúvidas que recebemos sobre o Seguro DPVAT. Nesse post, vamos explicar todos os detalhes sobre o reembolso de despesas médico-hospitalares, também conhecido pela sigla DAMS e que, somente até outubro, foi responsável por 19% do total de indenizações pagas. Quer saber mais? Continue acompanhando! 😉

Afinal, como funciona o reembolso de despesas médicas do Seguro DPVAT?

O reembolso de despesas médicas funciona assim, galera: tem direito quem pagou do próprio bolso por serviços médicos na rede particular de saúde em consequência de um acidente de trânsito. Essas despesas podem ter sido um atendimento de emergência, uma cirurgia, exame, consultas, remédio ou algum tipo de tratamento.

A vítima que deseja pleitear o reembolso tem até 3 anos, a contar da data em que ocorreu o acidente, para dar entrada na indenização, reunindo a documentação necessária, disponível no site da Seguradora Líder, clicando aqui. ☺👍

Guarde as notinhas com bastante carinho!

É isso aí! No caso de reembolso de despesas médicas, elas devem ser comprovadas mediante apresentação de notas fiscais/recibos originais. Por isso, nada de jogar as notinhas ou os recibos fora, viu? Afinal, é através deles que a gente consegue ver quanto você gastou no tratamento após o acidente. 😉

Precisei realizar fisioterapia. Posso solicitar o reembolso?

A resposta é sim, pessoal! No entanto, para haver o reembolso, a vítima deverá apresentar um relatório médico indicando a necessidade e quantidade de sessões para o seu tratamento. Para cada sessão, deverá ser emitida uma nota fiscal e nela deverá constar o tipo de tratamento realizado, o valor cobrado, os dados pessoais e o registro profissional do fisioterapeuta. É bom ficar de olho! 👀👀

Qual a diferença entre reembolso de despesas médicas e invalidez permanente?

Esse é um dos principais questionamentos que a gente recebe por aqui e a explicação é bem simples. Se após o acidente, a vítima gastou com medicamentos ou procedimentos de fisioterapia, ela poderá solicitar o reembolso dessas despesas. Caso no final do tratamento, no momento da alta médica, a vítima fique com sequelas permanentes em decorrência do acidente, ela pode dar entrada na indenização por invalidez permanente. É sempre bom lembrar que, em ambos os casos, os beneficiários são a própria vítima, viu? 😉

A gente termina esse post alertando que, ao seguir as dicas aqui em cima, entregando a documentação completa em um dos nossos mais de 8 mil pontos de atendimento oficiais em todo o país, seu reembolso por despesas médicas sai rapidinho. Tem alguma dúvida sobre esse processo? É só falar com a gente aqui embaixo nos comentários. Estamos aqui para você saber mais! ☺


Continuar lendo

Como os diferentes países do mundo lidam com engarrafamentos?

engarrafamentos-paises-mundo.png


"Engarrafamento". Pode confessar, pelo menos uma vez durante a sua vida, você já tremeu de medo só de ouvir essa palavra. Inimigo número um dos horários marcados, estudos comprovam que os congestionamentos são uma realidade constante do trânsito brasileiro: de acordo com a empresa TomTom, especialista em navegação, produtos de trânsito e soluções de gerenciamento de frotas, um morador do Rio de Janeiro, por exemplo, gasta, em média, 47% mais tempo de viagem por ficar preso em engarrafamentos. Já o de Salvador, na Bahia, gasta 43%. 😪

Mas e se a gente te contasse que algumas cidades ao redor do mundo estão pensando em ideias inovadoras para tentar nos salvar dos engarrafamentos? É isso aí! Ficou curioso para saber quais são? Então, é só continuar acompanhando o post de hoje. 😉

Na Ásia, a resposta está na tecnologia

Cingapura, pioneira na adaptação da alta tecnologia ao tráfego, já utiliza semáforos capazes de verificar o fluxo e determinar o tempo em que a luz verde ficará acesa, além de contar com fibras óticas que monitoram o tráfego. 😮

Os dados são transmitidos para uma central que faz uma compilação e coloca as informações à disposição dos motoristas. Com isso, a ideia é tornar a previsão do tráfego tão importante na vida das pessoas quanto a meteorologia, mas bem mais eficaz. 😉

A ciência é a chave para os holandeses

Uma das experiências mais radicais para acabar de vez com os engarrafamentos foi realizada na cidade de Drachten, na Holanda. Com 40 mil habitantes, a prefeitura da cidade removeu calçadas, placas, faixas e substituiu semáforos por rotatórias. A ideia foi tornar as ruas mais perigosas e deixar os motoristas decidirem quem tem a preferência e como o trânsito flui. E o resultado vai te impressionar: por instinto e segurança, os motoristas passaram a dirigir mais devagar e, segundo a revista Focus, os congestionamentos em algumas vias foram reduzidos em até 75%. E aí, você acha que isso daria certo no Brasil? 🤔

Gentileza no trânsito é a resposta nos Estados Unidos

Em San Diego, nos Estados Unidos, a resposta está na gentileza, galera! Nas chamadas freeways, ou seja, nas largas pistas que ligam o subúrbio ao centro, existem faixas exclusivas para carros levando mais de dois passageiros e ônibus. A ideia é encorajar a prática da carona solidária e o uso do transporte público. Muito amor envolvido! 😍

As zonas verdes em Paris, na França

E por falar em práticas como a carona solidária, um belo exemplo está nas  "zonas verdes", criadas nas áreas residenciais de Paris, onde o limite de velocidade é de 30 km/h. Na cidade-luz, também foram construídos corredores exclusivos para ônibus e táxis, com o objetivo de estimular o uso das bicicletas e do transporte público. E tem até previsão da volta dos bondes, pessoal! ❤

E para você, qual seria a solução perfeita para os temidos engarrafamentos? Você acha que alguns desses exemplos de outros países poderia ser aplicado aqui no Brasil? Deixe sua resposta aqui nos comentários. Esperamos por você! 😉



Continuar lendo

Dia Mundial em Memória das Vítimas de Trânsito: uma reflexão sobre o elevado número de mortes


Doenças, guerras, conflitos, deslizamentos. É normal acreditarmos que essas são as principais causas de mortes em todo mundo, certo? Mas hoje, a imprudência no trânsito é uma das mais significativas. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), todos os anos, cerca de 1,25 milhão de pessoas em todo mundo são vítimas fatais do trânsito. No Brasil, essa situação não é diferente, pessoal. Neste Dia Mundial em Memória das Vítimas de Trânsito (18/11), vamos te contar um pouquinho mais sobre essa realidade. Vem com a gente! 😉

Em 10 anos, trânsito brasileiro já matou mais que Guerra na Síria

O título te assustou? Mas é isso mesmo. De 2008 a 2017, mais de 504 mil pessoas morreram em acidentes no Brasil, segundo dados das indenizações pagas pelo Seguro DPVAT. Esse número é o dobro do de mortes nos conflitos da Síria. Impressionante, não é? 😪

Como os acidentes de trânsito impactam a economia?

Engana-se quem pensa que os acidentes de trânsito representam apenas danos materiais. Pelo contrário, pessoal: eles geram custos sociais, ambientais, psicológicos, além de impactos na saúde – devido aos altos custos com internações hospitalares. Somente em 2014, por exemplo, nas rodovias federais do país, ocorreram cerca de 170 mil acidentes de trânsito, que geraram um custo de R$ 12,3 bilhões. Destes custos, 64,7% foram associados às vítimas dos acidentes, com atendimentos em hospitais e perda de produção devido às lesões ou a morte e 34,7% foram relacionados aos veículos, com danos materiais, perda de cargas e procedimento de remoção. Quando se levantou o custo nas rodovias federais, estaduais e municipais, estimou-se um custo superior a R$ 45 bilhões por ano. Com esse valor, daria para construir 28 mil escolas e 1.800 novos hospitais. Os números são do Instituto de Pesquisa Aplicada, o IPEA, com base nos dados da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e fazem refletir, não é mesmo? 😥

Qual o papel do Seguro DPVAT nessa realidade?

Em episódios trágicos como os acidentes de trânsito, a vida de muitas pessoas é afetada de maneira permanente. Nesse sentido, um instrumento de proteção e amparo como o Seguro DPVAT é, muitas vezes, o único recurso que as famílias dispõem para vencer momentos de grande adversidade e recomeçar. ❤

O que tem sido feito para mudar as estatísticas elevadas de acidentes de trânsito?

Uma das principais ações é a Década de Ações para a Segurança no Trânsito (2011-2020), criada pela Organização das Nações Unidas (ONU) em 2011, que tem como meta estabilizar e reduzir em até 50% os acidentes de trânsito através de um plano diretor. À nível brasileiro, outra importante ação, baseada na Década de Ações da ONU, é o Plano Nacional de Redução de Mortes e Lesões no Trânsito (PNATRANS), que tem como objetivo reduzir pela metade o número de acidentes no trânsito em um período de 10 anos. Bem legal, não é? 😉

E o que a Seguradora Líder tem feito?

A Seguradora Líder acredita que, através da divulgação das estatísticas do Seguro DPVAT, garantimos insumos para a construção de políticas públicas que contribuam para que o trânsito brasileiro se torne menos violento. Uma das ferramentas é o Boletim Estatístico, documento divulgado mensalmente e produzido pelo nosso Centro de Dados e Estatística. Sabendo da importância desses boletins, somente nesse ano, divulgamos três edições especiais. Você confere mais sobre elas clicando aqui 😉

Hoje e durante todos os dias, devemos refletir, juntos, no que podemos fazer para reduzir o elevado número de acidentes de trânsito, afinal, todos nós, fazemos parte dele. E aí, você tem uma boa ideia para tornar o trânsito menos violento? Compartilha com a gente aqui embaixo nos comentários! 👇


Continuar lendo

Página 1 de 38
12345678910...