Sign In
Início do conteúdo
​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​Sala de Imprensa​​​​​​

Newsletter​​​​​​

Três perguntas para Elvis Granzotti, Gerente de Operações da Arteris

Publicado em segunda-feira, 17 de setembro de 2018

Newsletter - 17/09/2018 - 45ª Edição

A Arteris S.A. é uma das maiores companhias do setor de concessões de rodovias do Brasil em quilômetros administrados, com mais de 3.400 km em operação. Por meio de suas nove concessionárias, é responsável por rodovias nos estados de São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Santa Catarina e Paraná, importante eixo econômico e industrial do país.

A empresa está engajada na Década de Ação pela Segurança no Trânsito da ONU, que prevê a redução de 50% dos acidentes com vítimas, entre 2011 e 2020. A Arteris aderiu ao pacto e comemora a superação da meta de reduçāo em três rodovias federais sob sua administraçāo, com dois anos de antecedência. Para conhecer um pouco das iniciativas da empresa em prol da segurança viária entrevistamos Elvis Granzotti, gerente de operações da Arteris.

1 - A segurança no trânsito é um desafio global. No Brasil, estatísticas como as do Seguro DPVAT dão a dimensão do problema: somente no primeiro semestre de 2018 foram pagas 193.914 indenizações às vítimas de acidentes, sendo a grande maioria por invalidez permanente. Como a Arteris atua na prevenção de acidentes de trânsito nas rodovias que administra?

A atuação da Arteris é pautada no respeito à vida como valor fundamental para o Grupo. Desde a criação da empresa, a promoção da segurança viária nas rodovias sob sua concessão é abordada com ações em segmentos como: engenharia, com duplicações de estradas, ampliação de capacidade, iluminação; operacional, com instalações de equipamentos de controle de velocidade, mensagens em painéis em tempo real, posicionamento de veículos de operação para atendimento rápido; e educação e campanhas de conscientização de usuários e ações coercitivas de apoio ao policiamento rodoviário.

O investimento em tecnologia de gestão de tráfego também é um dos destaque nas iniciativas da Arteris, com a implantação do Sistema Inteligente de Transporte (ITS) e Centro de Controle Operacional (CCO). Os CCOs das nove concessões da Arteris também foram integrados ao aplicativo Waze, permitindo que tanto motoristas, quanto concessionárias criem alertas sobre as condições das rodovias, que serão visualizados pelos usuários por meio do aplicativo.

Outra importante ação do Grupo em prol da segurança viária foi a criação do Mês da Segurança Arteris, que, desde setembro de 2014, promove diversas campanhas ao longo do mês de setembro voltadas para a prevenção de acidentes e à preservação da vida. A ação de conscientização foi pioneira no setor de concessões de rodovias e seu grande destaque é o Fórum Arteris, evento de alcance internacional voltado a discutir soluções para a promoção da redução de acidentes e fatalidades no trânsito no Brasil, tornando-se referência global. O formato é replicado em países como Chile e Argentina.

Outros exemplos de ações educativas com foco na segurança são o Passarela Viva, Viva Pedestre, Viva Ciclista, Viva Motociclista, Viva Seguro, Viva Comunidade, Tô de Cinto, Tô Seguro, Serra Segura, Saúde na Boleia e Acorda Motorista. Todas elas podem ser conhecidas no site da Arteris, no seguinte link: http://www.arteris.com.br/sustentabilidade/saude.aspx

2 - Quais são os resultados das iniciativas tomadas na área de Segurança Viária?

A empresa está engajada na Década de Ação pela Segurança no Trânsito da ONU, que prevê a redução pela metade dos acidentes com vítimas, entre 2011 e 2020. A Arteris aderiu ao pacto e já comemora a superação dessa meta em três de suas concessionárias de rodovias federais, com dois anos de antecedência. A Arteris Fluminense (BR-101 entre a cidade do Rio de Janeiro e a divisa com o Espírito Santo), Arteris Régis Bittencourt (BR-116 entre São Paulo e Curitiba) e Arteris Planalto Sul (BR-116 entre Curitiba e a divisa de Santa Catarina com o Rio Grande do Sul), possuem mais de 1.200 quilômetros de extensão. Juntas, as rodovias reduziram o número de fatalidades em seus trechos, em 60%, 58% e 60%, respectivamente, entre 2010 e 2017. As demais rodovias sob concessão da Arteris trabalham em projetos específicos de segurança com o objetivo de atingir o índice dentro do prazo.

Com o objetivo de prevenir o tema e debater internamente com novas soluções, a Arteris criou, em 2013, o Grupo Estratégico de Redução de Acidentes, o GERAR. Este grupo reúne diferentes profissionais da companhia, com atuação multidisciplinar, para avaliar as condições dos trechos e perfil dos acidentes. Dessa forma, é possível investir no desenvolvimento de ações visando à redução do número de incidentes nas rodovias administradas pela companhia.

E as ações de conscientização realizadas pela Arteris já abordaram quase 280 mil pessoas, sempre com o intuito de prevenção de incidentes e com a preocupação em disseminar informações relevantes sobre segurança e educação no trânsito.

3 - O que é preciso fazer para que o Brasil tenha um trânsito mais seguro e reduza o índice de ocorrências nas estradas?

Um elemento fundamental para a redução de acidentes é a conscientização do usuário sobre a importância de um trânsito seguro e humanizado. Atrelado a isso, a Arteris acredita que o jovem é o agente transformador deste cenário. Para isso, desenvolveu o Projeto Escola Arteris que, desde 2001, atua em parceria com escolas públicas para levar o tema trânsito às salas de aula e já beneficiou mais de 200 mil crianças e adolescentes. A iniciativa é promovida pela área de sustentabilidade do Grupo. E baseado no sucesso do programa, foi criado o Fórum Arteris da Juventude, em 2016, que tem como objetivo apoiar o desenvolvimento pessoal dos jovens para que eles se tornem embaixadores da segurança do trânsito, propagando o conteúdo para seus familiares e amigos.

Sobre o 5º Fórum Arteris: Segurança, Inovação e Mobilidade

Para trocar experiências e discutir soluções a partir de diferentes perspectivas, o 5º Fórum Arteris, realizado no último dia 11, convidou especialistas do Brasil e do exterior, que estão acompanhando de perto o avanço das inovações no segmento do transporte rodoviário e as transformações e seus impactos esperados no futuro próximo para mobilidade e a segurança viária de empresas e usuários que trafegam pelas rodovias. A Arteris realiza o Fórum desde 2014 e o objetivo é compartilhar conhecimentos e boas práticas de modo a encontrar soluções, de forma colaborativa, para o desafio da segurança viária.

O papel da fiscalização na promoção da segurança viária foi uma das sessões do Fórum. O painel teve a mediação do gerente de Operações Elvis Granzotti, entrevistado nesta edição da Newsletter "Seguradora Líder Informa", e contou com a participação do Comandante Luís Henrique Di Jacintho Santos (Polícia Militar Rodoviária de São Paulo), Renato Dias (Dir. Geral da Polícia Rodoviária Federal) e Cristiano Alves de Oliveira (Telefônica).

O aplicativo "Fórum Arteris", disponível na PlayStore e Apple Store, consolida todas as apresentações do evento e uma visão geral de cada painel.




​Mais artigos​